Conecte-se conosco

Fique por dentro

o teste de mecha ainda é necessário nos dias atuais?

Publicado

em

Saúde capilar: o teste de mecha ainda é necessário nos dias atuais?

Com tantas opções de produtos desenvolvidos com alta tecnologia, tricologista explica a importância do teste de mecha para evitar danos nos cabelos e couro cabeludo

Empresas, mídia e salões propagam diariamente procedimentos novos que visam modificar a estrutura capilar, seja através da alteração da cor dos fios ou pela mudança de sua forma lisa, ondulada ou crespa. Com isto temos no mercado produtos que nos fazem ir contra as programações genéticas que antigamente pareciam nos ter sido impostas. A mudança nos cabelos se tornou algo comum nos dias atuais.

“Se há esse lado bom na autonomia para proporcionar mudanças no visual, em contrapartida, existem os riscos da exposição dos fios a procedimentos que não são capazes de suportar e que, na maioria dos casos, são evitáveis”.

Quem afirma é o médico e tricologsita Dr Ademir Leite Junior. O especialista explica os impactos negativos da falta do protocolo conhecido como o teste de mecha quem, mesmo com o avanço no desenvolvimento de produtos para transformação capilar, não pode ser negligenciado nos salões de cabelereiro.

Dr Ademir descreve como o procedimento é simples: “Teste da mecha é o nome dado ao procedimento que deveria preceder qualquer aplicação de produtos químicos nos cabelos. Serve para avaliar, em uma mecha, se os cabelos que serão tratados conseguem suportar um procedimento como o que será realizado em todo cabelo. A ideia é a de pegar uma mecha de cabelo e realizar o procedimento apenas nela cerca de dois a três dias antes de aplicar o produto em todos os fios”.

Para quais tipos de cabelos o teste de mecha é necessário?

Segundo Dr Ademir, “é fato que existem cabelos mais fortes e mais fracos. Temos os cabelos mais sensíveis que sofrem com o clima ou situações externas (sol e água de piscina, por exemplo), e ainda os que já passaram por químicas em maior ou menor proporções”.

Para o tricologista, deixar de fazer o teste da mecha, confiando apenas na aparência que o cabelo apresenta ou na textura que o profissional identifica representa correr riscos que são evitáveis. “Apesar de ser importante o teste da mecha é pouco realizado. Em parte, porque os clientes sempre chegam pensando em fazer o procedimento de uma vez sem verificar se seus cabelos estão em condições para tanto. Soma-se o fato de que a concorrência do mercado faz com que os profissionais optem por correr o risco a perder o cliente para um outro concorrente que faria o procedimento sem o teste prévio”.

Produtos químicos capilares são sempre perigosos?

“Parece ser óbvio que nenhuma marca que se preze colocaria um produto no mercado para vitimar com danos os seus possíveis usuários. Apesar disto, não é fato infrequente encontrarmos vítimas de produtos químicos de uso capilar.

Mas a resposta é não. Perigoso não é o produto químico em si (com as devidas exceções dos proibidos pelas entidades de saúde, em nosso caso a ANVISA), mas a associação destes a cabelos que não tenham condições de suportá-los”,defende o médico.

Ele complementa: “Sabendo disso, quais dos cabelos citados poderiam receber químicas sem sofrer danos? Para esta pergunta a resposta é simples: todos ou nenhum deles. Se esta afirmação acabou sendo motivo de espanto é porque você nunca fez ou não conhece o teste da mecha”.

Assim como a moda, a estética capilar que inclui as transformações nos fios é dinâmica e rica em referências e possibilidades. Então, o teste da mecha não deveria ser visto como um impeditivo para mudanças desejadas pelos clientes e cabelereiros, ao contrário, é uma ferramenta de análise que abre caminho para a criatividade e para a manutenção da saúde capilar no momento em que se diagnostica a possibilidade ou não de realizar um procedimento.
Talvez esteja justamente na aplicação dessas ferramentas de análise e em argumentos corretos com o cliente a chave para o profissional se diferenciar e conquistar a confiança e fidelidade de quem senta diante do espelho para mudar os cabelos.

“Valorizo o conhecimento de muitos profissionais que reconhecem um cabelo forte, sabem a qualidade dos produtos que usam e dominam bem as técnicas de aplicação. Estes quase nunca enfrentam problemas com seus clientes porque têm bom senso e experiência, fazendo o teste da mecha quando acreditam ser necessário. Lembrando que segurança é algo que não tem preço” finaliza Dr Ademir Leite Junior.

Dr. Ademir C. Leite Jr. – CRM 92.693
(11) 3864-3967 
– https://www.instagram.com/drademircleitejr/?hl=pt-br
http://www.otricologista.com/

Dr. Ademir C. Leite Jr. (CRM 92.693) é médico certificado como Tricologista pela Internacional Association of Trichologists (IAT). Membro e diretor da IAT. Palestrante internacional e diretor da Classe nica HTRI e do CAECI onde ministra cursos em Tricologia. Autor dos Livros: “Reflexões sobre Psicossomática e a queda capilar”, publicado em 2019, “Queda Capilar e a Ciência dos cabelos”, publicado em 2013, “Como Vencer a Queda Capilar”, publicado em 2012 pela CAECI Editorial, “Socorro, Estou ficando careca”, publicado pela Editora MG em 2005, “Tem alguma coisa errada comigo – Como entender, diagnosticar e tratar a Síndrome dos ovários Policísticos”, publicado pela Editora MG em 2004 e “É outono para meus cabelos – Histórias de mulheres que enfrentam a queda capilar” – Editado pela Editora Summus.

Continuar Lendo
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique por dentro

Nova flexibilização deixa pousadeiros e empresários otimistas em Fernando de Noronha

Publicado

em

Depois de vacinar 100% da população adulta com as duas doses da vacina contra a covid-19, o Arquipélago de Fernando de Noronha entrou em uma nova etapa do plano de convivência elaborado pelo governo de Pernambuco. Agora, para entrar na ilha, os visitantes precisam apresentar o comprovante de vacinação digital.

Para a presidente da Associação das Pousadas de Fernando de Noronha, Adriana Flor, a flexibilização é positiva. “Todo mundo precisa se vacinar para voltarmos o mais rápido possível para o novo normal. Mesmo estando com 100% dos adultos da ilha vacinados, não podemos relaxar. A pandemia não acabou. Acredito que as novas regras irão nos trazer ótimos resultados”, comentou Adriana.

Ainda de acordo com a presidente da associação, a expectativa é que haja um aumento no fluxo de visitantes, o que deve acontecer mais para frente.

Com o avanço do plano de convivência contra a covid e seguindo todas as regras para combater a propagação do vírus, pousadeiros e empresários já estão planejando as festas para o Réveillon, como é o caso da Pousada Zé Maria. Outros hotéis e pousadas, como a Dolphin Noronha e a Morena, vão oferecer a ceia de réveillon e um brunch, entre outros mimos. Mais informações sobre hotéis e pousadas estão disponíveis no site www.apfn.com.br.

Comprovante de Vacinação Digital

Uma das opções para emitir o comprovante de vacinação digital é por meio do Conecte SUS Cidadão.

Para quem só tomou uma dose, além do comprovante de vacinação será preciso apresentar o exame negativo para covid; testes rápidos e exames de busca de antígenos não serão aceitos. Os visitantes que já tomaram as duas doses precisam ficar atentos com a data da aplicação da última dose. Nestes casos, a aplicação precisa ter ocorrido há mais de 21 dias.

Para crianças de 7 a 11 anos, será necessário apresentar resultado negativo de teste RT-PCR ou resultado reagente do exame IgG por sorologia. Os adolescentes entre 12 e 17 anos que não tomaram a vacina também precisarão apresentar os exames. Crianças de até 6 anos ficam dispensadas da apresentação de exames.

Continuar Lendo

Fique por dentro

SEXTOU MUSICAL TEM DATA DE ESTREIA DEFINIDA

Publicado

em

Depois de muitos rumores e expectativas sobre a data de estreia, já está confirmada que a nova atração internacional nas TVs brasileira e do exterior é o programa SEXTOU MUSICAL apresentado por Gilberto Romano e uma cantora baiana (ainda em surpresa) inicia no dia 15 de outubro às 22h (horário do Brasil) pela TV POTENGI (presente no Canal 48 da SOUL TV e Canal 818 da CDNTV). O programa levará muita música de diversos estilos musicais escolhidos pelo povo nas redes sociais do programa; do apresentador e da TV. Os fãs dos artistas já começaram a votar nos seus ídolos para ouvirem suas músicas no SEXTOU MUSICAL. Gilberto Romano nos disse “a responsabilidade de garantir uma audiência nas sextas é muito grande por isto todo O planejamento do programa está tendo o maior cuidado pra agradar ao público brasileiro assim como o estrangeiro. Quanto a minha colega que vai dividir o comando do Sextou Musical comigo é uma cantora e tem um alto astral. Em breve vocês vão saber.” Ficamos aqui na curiosidade, tentamos sondar o nome mas está em segredo.

 

Continuar Lendo

Fique por dentro

Tartaglia Arte, uma das curadorias mais conceituadas do mercado, traz nova exposição ao Rio.

Publicado

em

Curadores Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez criaram #acasadellartista durante a pandemia para manter o acesso às artes online
 

Os curadores Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez, da Tartaglia Arte trazem a exposição Imortal: Arte, Alma e Futuro, da artista plástica carioca Melinda Garcia, ao Centro Cultural Correios RJ, a partir do dia 21 de outubro próximo, onde será possível conhecer 45 peças da artista, entre esculturas e pinturas. A mostra fica aberta à visitação do dia 22 de outubro a 05 de dezembro de 2021, de terça a sábado, das 12h às 19h.


A curadoria de arte é o processo de organização, cuidado e montagem de uma exposição artística, formada por um conjunto de obras de um ou de vários artistas, a partir de uma seleção prévia realizada pelos curadores. Também é responsável pela preparação da exposição, estabelecendo relações entre as obras e fazendo com que dialoguem com o público.
 

Durante o isolamento social imposto pela pandemia, a Tartaglia Arte criou em sua página no YouTube, a #acasadellartista,  onde as pessoas podiam ter contato com artistas falando sobre suas obras, online, mantendo o acesso à arte.

Sobre a Tartaglia Arte

A Tartaglia Arte foi fundada em 1950 como um estúdio de pintura pelo artista Piero Tartaglia, então conhecido como Piery. Após alguns anos, criou um ponto de referência e encontro cultural com outros artistas e jovens talentos onde, sob a orientação do Mestre, desenvolveram seu estilo pessoal. A paixão avassaladora de Tartaglia  pela expressão pictórica com explosões de cor pura e contrastes violentos que tornam a tela viva, deu vida à Escola do Disgregacionismo.  Posteriormente fundou as Galerias, para exposição permanente de seus trabalhos e os de seus alunos, e que hoje são dirigidas pelo filho Riccardo.

Crédito foto Paulo Ávila

O amor pela arte e uma visão cultural ampla são as peculiaridades deste grande artista, e representam sua herança moral e espiritual. Herança que continua sendo representada por Riccardo Tartaglia, que trabalha com a mesma seriedade e tenacidade na propagação da arte, através de exposições e eventos internacionais. Mas tudo com a assinatura de Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez (Membro da Academia de Belas Artes do Rio de Janeiro e Embaixatriz Cultural com Honoris Causa, pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina – Honra da Arte de Florianópolis), o que confere um atestado de credibilidade e sensibilidade criativa.

Instagram: @riccardotartaglia @reginanobreztartaglia

Continuar Lendo

Destaque